Submissões

Submissões Online

Já possui um login/senha de acesso à Revista Brasileira de Pós-Graduação?
Acesso

Não tem login/senha?
Acesse a página de cadastro

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial.

 

Diretrizes para Autores

 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da colaboração em relação a todos os itens listados a seguir:

  1. As contribuições devem ser condizentes com o foco da revista.

  2. Devem ser originais, inéditas e não devem estar sob análise para publicação por outra revista.

  3. Devem ser apresentadas para uma das seguintes seções: Estudos, Debates ou Experiências, por meio de cadastramento do usuário e inclusão do artigo neste site.
  4. Os arquivos devem estar no formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF (desde que não ultrapassem 2MB).
  5. Os artigos devem ser anexados sem menção da autoria e sem identificação nas propriedades, e conter: a) título do trabalho em português, inglês e espanhol; b) resumo de até dez linhas e com três a seis palavras-chave, formadas por expressões com no máximo três termos; c) abstract de até dez linhas e com três a seis keywords formadas por expressões com no máximo três termos; d) resumen de até dez linhas e com três a seis palabras clave formadas por expressões com no máximo três termos; e e) texto do artigo ou da matéria redigido, incluindo notas e referências, tabelas, quadros e gráficos, quando utilizados, com a formatação estabelecida.
  6. Os textos destinados às seções Estudos e Experiências devem ser digitados em fonte Times News Roman, corpo 12, espaço simples e não podem exceder 50 mil caracteres, incluindo os espaços e consideradas as referências bibliográficas, citações ou notas, os quadros, gráficos, mapas. Os textos submetidos para a seção Debates devem obedecer ao limite de 35 mil caracteres, considerados os espaços e demais inserções. Títulos e subtítulos têm que ter a mesma fonte e estar em negrito.
  7. Os textos devem ser compostos, necessariamente, dos seguintes elementos: introdução – parte inicial, que compreende a delimitação do assunto tratado, os objetivos da pesquisa e outros elementos para situar o tema abordado; desenvolvimento – parte principal, na qual são feitas a exposição concisa do assunto tratado e a análise das informações utilizadas, podendo dividir-se em seções e subseções (não numeradas), conforme a abordagem do tema e do método, que deve ser explicitado; considerações finais – parte final, em que são apresentadas as conclusões e, opcionalmente, os comentários adicionais.
  8. As notas de rodapé devem ser exclusivamente explicativas e numeradas, ter no máximo 3 linhas, com fonte Times News Roman, corpo 10, espaço simples. As notas com mais de três linhas deverão ser apresentadas ao fim do texto, antes das referências bibliográficas, com a numeração de sequência “i”. Endereços eletrônicos não devem constar em forma de notas de rodapé.
  9. Os quadros, gráficos, tabelas, mapas e imagens devem ser numerados e titulados, trazer a indicação da fonte correspondente e estar em preto e branco. Havendo uso de cor, é preciso levar em conta o fato de que a publicação é feita em escala de cinza. No caso de fotografias, indicar o crédito devido e a respectiva autorização quando nelas for possível identificar pessoas.
  10. Aspas, itálico e negrito: as aspas duplas devem ser utilizadas no início e no final de citações que não ultrapassem três linhas, em citações textuais no rodapé e em indicações de palavras com sentido técnico. O itálico deve ser adotado para palavras ou expressões em outros idiomas e para o nome de publicações (científicas, literárias, da mídia etc.) ou de obras artísticas citadas no corpo do texto. O negrito deve ser usado para títulos, subtítulos e destaque nas referências bibliográficas.
  11. As menções a autores, no corpo do texto, devem manter a forma: autor (data) ou (AUTOR, data). Exemplos: Fischer (2002); (SILVA, 2005); (PEREIRA; FONSECA, 1997, p. 120).
  12. Todas as referências bibliográficas devem obedecer às normas atualizadas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), de acordo com os exemplos abaixo:
    Para livros:


    TERRA, J. C. C. Gestão do conhecimento: o grande desafio empresarial - uma abordagem baseada na aprendizagem e na criatividade. São Paulo: Negócio Editora, 2000.

    Para artigos:
    MARTINS, R. P.; ARAUJO-LIMA, C. O desenvolvimento da Ecologia no Brasil. Infocapes, v. 8, n. 2, p. 81-85, 2000.

    Para teses acadêmicas:
    VASCONCELOS, M. C. L. Cooperação universidade/empresa na pós-graduação: contribuição para a aprendizagem, a gestão do conhecimento e a inovação na indústria mineira. 2000. Tese (Doutorado em Ciência da Informação)—  Escola de Ciência da Informação, Universidade Federal de Minas Gerais, Minas Gerais.

    Para publicações em eventos:
    ANDRÉ, M.; ROMANOWSKI, J. P. Estado da arte sobre formação de professores nas dissertações e teses dos programas de pós-graduação das universidades brasileiras, 1990 a 1996. In: REUNIÃO ANUAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM EDUCAÇÃO (ANPED), 22., 1999, Caxambú. Programas e resumos...

    Para documentos oficiais:
    CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Plano Nacional da Pós-Graduação: PNPG 2011-2020. Brasília: Capes, 2010. v. 1. 309 p.

    Para documentos eletrônicos:
    São essenciais os dados das obras, isto é: autor, título, versão (se houver), acrescidos de informações sobre a localização em meio eletrônico, como por exemplo: “Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext& pid=S0100-96520030020014& = pt&nrm =iso >. Acesso em: 10 jan. 2010.”

  13. As referências bibliográficas devem conter exclusivamente os autores e textos citados no trabalho e ser apresentadas ao final do texto, em ordem alfabética.
  14. O autor será regularmente informado sobre cada etapa de submissão da proposta à RBPG.
  15. As propostas de contribuição que não estiverem de acordo com as orientações fixadas serão rejeitadas.
  16. O autor aceita e concorda integralmente com a Declaração de Direito Autoral abaixo.

 

Declaração de Direito Autoral

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

  • Detêm os direitos autorais sobre a obra e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution  que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.
  • Possuem autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista, com reconhecimento de autoria e de publicação inicial nesta revista.
  • Têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho on-line (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal), desde que citada sua publicação inicial nesta revista, uma vez que isso pode gerar alterações.

Além disso, os autores declaram que:

  • Todas as afirmações contidas no manuscrito são fatos, são verdadeiras ou baseadas em pesquisa empírica ou científica.
  • O uso de qualquer marca registrada ou direito autoral dentro do manuscrito foi creditado a seu proprietário ou a permissão para usar o nome foi concedida.

 

Política de Privacidade

Toda autoria dos artigos e pareceres exarados, durante o processo de avaliação, será mantida em sigilo. Os nomes e endereços informados a RBPG serão usados exclusivamente para a publicação das contribuições autorais nas edições da revista, não sendo disponibilizados com outras finalidades ou a terceiros.