QUANTO CUSTA O LIVRO DIDÁTICO? UMA ANÁLISE A PARTIR DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO FNDE / MEC

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

Com quase cem anos desde sua idealização, o PNLD - Programa Nacional do Livro Didático é, hoje, indiscutivelmente um dos maiores e mais importantes recursos voltado ao ensino na educação básica de escolas públicas no Brasil. Contudo, mesmo apresentando melhorias ao longo de sua existência, o PNLD ainda apresenta lacunas. Neste sentido, este trabalho tem o objetivo de produzir uma análise econômico-financeira para o PNLD, a partir de um recorte dos últimos seis anos (2014-2019). Para isso, foi realizada uma pesquisa documental no portal da transparência do FNDE/MEC - Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação do Ministério da Educação à luz da literatura existente sobre Livro Didático. Como resultado esta proposta expõe o quão significativo tem sido o investimento neste Programa, durante o período analisado. Por outro lado, os resultados apresentam o quantitativo de exemplares adquiridos e de beneficiados por nível escolar (anos iniciais e finais do Ensino Fundamental, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos) que permitem inferir o baixo custo unitário e sua abrangência. Além disto, os comparativos entre os níveis beneficiados permitem considerações, tais como, econômico-financeiras.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Douglas Fraga Silveira
Biografia
Referências

BORNIA, Antônio Cezar. Análise gerencial de custos: aplicação em empresas modernas. São Paulo: Atlas, 2009.

DA SILVA, Edson Coutinho; GIL, Antônio Carlos; OKABAYASHI, Silvia Cristina da Silva. Competências na gestão pública: Uma avaliação dos servidores públicos do Grande ABC paulista. Revista Gestão Pública Práticas e Desafios. v. 5, n. 1. p. 88-107, abr. 2014.

DE BRITTO, Tatiana Feitosa. O Livro Didático, o Mercado Editorial. Brasília, DF: Centro de Estudos da Consultoria do Senado, 2011.

DE OLIVEIRA, Maxwell Ferreira. Metodologia científica: um manual para a realização de pesquisas em Administração/Maxwell Ferreira de Oliveira. Catalão: UFG, 2011.

DI GIORGI, Cristiano Amaral Garboggini; MILITÃO, Silvio Cesar Nunes; MILITÃO, Andréia Nunes; PERBONI, Fabio; RAMOS, Regina Célia; LIMA, Vanda Moreira Machado; LEITE, Yoshie Ussami Ferrari. Uma proposta de aperfeiçoamento do PNLD como política pública: o Livro Didático como capital cultural do aluno/família. Ensaio: aval.pol.públ.Educ. [online]. v. 22, n. 85, p.1027-1056, out/dez. 2014.

FRACALANZA, Hilário. Educação em Debate, Projeto Material Didático. Fort. t3 (1): jan/jun. 1987.

HOLDEN, Kristian.L. Buy the book? Evidence on the effect of textbook funding on school-level achievement. American Economic Journal: Applied Economics, 8 (4), pp. 100-127. 2016.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Dados Estatísticos. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/. Acesso em: 09 jan. 2020.

KRAJEWSKI, Lee; RITZMAN, Larry; MALHOTRA, Manoj. Administração de produção e operações. Prentice-Hall, 2009.

MACHADO, Nelson. Sistema de informação de custo: diretrizes para integração ao orçamento público e à contabilidade governamental. 2002, 233f. (Tese de Doutorado) – Departamento de Contabilidade e Atuária. Universidade de São Paulo, 2002.
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Dados Estatísticos, Portal Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação – FNDE. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/programas/programas-do-livro/livro-didatico/dados-estatisticos. Acesso em: 04 out. 2019.

NETO, Jorge Megid; FRACALANZA, Hilário. O Livro Didático de ciências: Problemas e soluções. Ciência & Educação, v.9, n. 2, p. 147-157. 2003.

PALHARES, Isabela. Ministério da Educação estuda descartar 2,9 milhões de livros didáticos nunca usados. Uol Educação, Brasília, edição online, 11.jan.2020. Disponível em: https://educacao.uol.com.br/noticias/agencia-estado/2020/01/11/ministerio-da-educacao-estuda-descartar-29-milhoes-de-livros-didaticos-nunca-utilizados.htm. Acesso em: 11 jan. 2020.

PRETI, Oreste. Desafios na produção de material didático impresso no programa UAB em Moçambique. LYALOSHO: Revista Científica de EAD, v. 1. 2016.

PRETTO, Nelson. Educação e inovação tecnológica: um olhar sobre as políticas públicas brasileiras. Revista Pedagógica, v. 5, n. 11, p. 65-84, jul/dez. 2003.

SANTINI, Sidineia; FAVARIN, Eleusa de Vasconcellos; NOGUEIRA, Mieli Antunes; DE OLIVEIRA, Marcos Lucas; RUPPENTHAL, Janis Elisa. Fatores de mortalidade em micro e pequenas empresas: um estudo na região central do Rio Grande Do Sul. Revista Eletrônica de Estratégia&Negócios, v. 8, n. 1, p. 145-169, jan/abr. 2015.

SAVIANI, Dermeval. O Plano de desenvolvimento da educação: Análise do projeto do MEC. Educ. Soc., Campinas, vol. 28, n. 100 - Especial, p. 1231-1255, out. 2007.

SEIXAS, Rita Helena Moreira. Tecnologias educacionais no ensino de ciências da natureza em escolas públicas do município de Pelotas/Brasil. 2017, 116f. (Tese de Doutorado), Instituto de Ciências Básicas da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2017.

SILVA, Edna Lúcia; MENEZES, Estera Muszkat. Metodologia da Pesquisa e Elaboração de Dissertação. 4. ed., Florianópolis: Revista Atual, 2005.

SILVA, Marco Antônio. A fetichização do Livro Didático no Brasil. Educação e Realidade, v. 37, n. 3, p. 803-821, set/dez. 2012.

SHINGO, Shigeo. O sistema Toyota de produção. Editora Bookman, 1996.

SOUSA, Filipe. J. The (Strategic) Make-or-Buy-or-Cooperate Decisions of the Firm, 2012. Disponível em: https://ssrn.com/abstract=2141714 ou http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.2141714. Acesso em: 04 out. 2019.

VASCONCELOS, Simão Dias; SOUTO, Emanuel. O Livro Didático de Ciências no Ensino Fundamental - Proposta de Critérios para análise do conteúdo zoológico. Ciência & Educação, v. 9, n. 1, p. 93-104, mar. 2003.

YIN, Robert. Estudo de caso: Planejamento e métodos. Editora Bookman, 2001.

VERCEZE, Rosa Maria A Nechi; SILVINO, Eliziane França Moreira. O Livro Didático e suas implicações na prática do professor nas escolas públicas de Guajará-Mirim. Práxis Educacional, v. 4, n. 4, p. 83-102, 2008.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

FRAGA SILVEIRA, D.; DO ROCIO FONTOURA TEIXEIRA, M. QUANTO CUSTA O LIVRO DIDÁTICO? UMA ANÁLISE A PARTIR DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO FNDE / MEC. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 16, n. 35, p. 1-21, 24 jun. 2020.

Seção

Artigo

Publicado:

Jun 24, 2020
Palavras-chave:

PNLD, Custo Unitário, Livro Didático

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

  • Detêm os direitos autorais sobre a obra e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution  que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.
  • Possuem autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista, com reconhecimento de autoria e de publicação inicial nesta revista.
  • Têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho on-line (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal), desde que citada sua publicação inicial nesta revista, uma vez que isso pode gerar alterações.

Além disso, os autores declaram que:

  • Todas as afirmações contidas no manuscrito são fatos, são verdadeiras ou baseadas em pesquisa empírica ou científica.
  • O uso de qualquer marca registrada ou direito autoral dentro do manuscrito foi creditado a seu proprietário ou a permissão para usar o nome foi concedida.