A produção científica brasileira em Odontopediatria em um contexto internacional

Daniela Araújo Veloso Popoff, Verônica Oliveira Dias, Maria Ivanilde Pereira Santos, Sérgio Avelino Mota Nobre, Daniella Reis Barbosa Martelli, Laíse Angélica Mendes Rodrigues, Hercílio Martelli-Júnior

Resumo


As variáveis foram o número de artigos científicos publicados em cada revista, instituição de origem, autoria dos artigos e o envolvimento de parcerias nacionais e internacionais. Resultados: Dos 2.428 artigos analisados, 315 eram de autores brasileiros, com uma média de 26,25 artigos por ano. Conclusões: A participação de pesquisadores brasileiros aumentou de 2000 para 2011. A maioria dessa produção ocorre em instituições públicas de ensino superior do Sudeste do país, sendo poucos os estudos realizados em parceria com pesquisadores de diferentes instituições, nacionais ou internacionais. O desenvolvimento de redes de colaboração entre pesquisadores de diferentes instituições deve ser encorajado como forma de aumentar a produção científica de alto impacto em Odontopediatria.


Palavras-chave


Bibliometria. Odontopediatria. Fator de Impacto. Ciências da Saúde.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21713/2358-2332.2015.v12.442